sexta-feira, 27 de maio de 2011

Foi me prendendo que você me perdeu

Eu vivia a voar, as vezes alto, outras nem tanto, mas sempre que eu voava, quando voltava para casa, ele cortava minhas asas querendo me proteger, de um mundo que eu estava disposta a correr o risco de conhecer. Ele cortava minhas asas, querendo me proteger, mais me prendendo em sua proteção, foi que ele me perdeu.

.-.Melissa Lobo.