quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Amar é viver, é deixar livre porque se tem a certeza de que vai voltar


Eu quero curtir a minha vida também. Não é só ele. Quero brincar zoar com os amigos. Dançar, dançar muito, adoro dançar. Mas eu não quero precisar beijar um desconhecido, depois de dançar a noite toda, não quero transar com qualquer idiota que só quer me comer, porque eu fiquei muito louca e pegando fogo e sinto vontade desejo de transar com alguém. Não quero precisar me preocupar com uma doença, ou se o cara vai me ligar do dia seguinte. Quero curtir com alguém em quem eu possa confiar. Quero dançar a noite inteira e saber que no fim da festa ele vai ta ali pra me levar pra casa, (pra minha, pra dele, tanto faz). Quero beijar ele, quando sentir vontade de beijar alguém. Quero depois de ficar muito louca ter ele para amar. Quero rir no café da manha, depois que ele me contar o que aprontou no dia anterior quando saiu com os amigos deles, e eu com os meus. Ou rir do que aprontamos juntos com nossos amigos. E eu queria que esse alguém fosse você.

Não sei qual visão de relacionamento você e as pessoas tem, hoje em dia. Mas a minha visão não é se prender, pelo contrario, é se libertar. É viver, curtir, experimentar, aprontar mas com a certeza de que eu não estou sozinha.

.-.Melissa Lobo.