sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Nunca entendi muito bem porque as pessoas boas tem de partir. Talvez seja porque Deus as quer mais perto dele.

Nunca entendi muito bem porque as pessoas boas tem de partir. Talvez seja porque Deus as quer mais perto dele. Ele era um homem bom, ajudava quem podia, ele foi o amor da vida de minha mãe, e acho que o da minha também, faz 18 anos que ele se foi. Faz 18 que sinto sua falta, e nem lagrimas, flores, velas e orações, são capazes de preencher o buraco que ficou onde ele costumava estar... meu coração
. Quando ele se foi, não sabia nem dizer adeus, e acho que ainda não sei. Não me lembro do seu rosto, mas já o desenhei infinitas vezes, não me lembro do teu abraço, mas não consigo parar de o desejar. Eu queria que ele estivesse aqui agora, é difícil aceitar que as pessoas tem de nos deixar. Queria ele nem que fosse por um único dia. Só para lhe dizer o quanto tem sido difícil sem ele, só para lhe dar um abraço e dizer que não importa o passado, presente ou futuro, que não importa, se algum dia ele me amou e/ou se importou, eu o amo, e sempre vou ama-ló. É algo que nem o tempo pode mudar. Porque é um amor, puro, inocente e verdadeiro, Porque é um amor que não se viveu. 'Aonde quer que você esteja agora, se é que está em algum lugar, eu te amo Pai ♥'


Melissa Lobo.