quinta-feira, 23 de abril de 2015

Deixe suas ondas quebrarem em mim e leve-me embora

Eu ando sozinha.
Em minha casa, me perdi nas memorias de tempos atrás.
Procurando o momento exato em que perdi minha alma.
Em que perdi você.
E se eu pudesse te encontrar agora as coisas ficariam melhores.
Então nós poderíamos deixar a cidade, o pais, o mundo, e fugir para sempre.
Porque eu me lembro de alguma forma que no final da história era você quem segurava minha mão.
E que de alguma forma, em algum lugar, de algum modo nós ficaríamos juntos.
E é perturbador o jeito que eu lembro do olhar em seus olhos.
Quando soube que aquele era um adeus.
E agora nós estamos olhando para o mesmo cemitério de estrelas.
E tudo que eu posso sentir é que ficaremos juntos por mais uma noite em algum lugar, de algum modo.

-Melissa Lobo.