quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Era uma vez, uma garota, uma mulher


Lá fora o Sol Brilhava, mas eu deitei na cama tremendo, peguei uma coberta e me cobri.
Lá fora fazia calor, mais no meu quarto eu podia ver a neve cair, e sentir o lado esquerdo do meu peito congelar, devagar.
Soluços e travesseiro molhado, esse foi o resultado, de uma paixão, de uma decepção.
Na hora me arrependi, mas hoje aprendi, que aquela historia da garota do coração partido, se tornou apenas um capitulo, do livro de uma grande mulher.
Que hoje é feliz pelo simples fato de existir de sentir.

.-.Melissa Lobo.