quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

E a princesa fugiu



 E a princesa fugiu do castelo, 
abandonou o príncipe



 E por horas correu desesperada pela floresta
E então parou diante de um riu







E quando olhou seu reflexo na aguá
Ofegante com o coração disparado
Ela finalmente sorriu de verdade
E assim ela continuou a caminhar
Pois agora ela havia se libertado
E sentiu uma felicidade jamais antes sentida.






.-.Melissa Lobo.